Oito bombeiros morrem em incêndio em Moscou

Moscou, 23 Set 2016 (AFP) - Oito bombeiros morreram em um incêndio em um depósito de plástico na zona leste de Moscou, anunciaram as autoridades nesta sexta-feira, no caso mais recente de uma longa série de tragédias similares na capital russa.

Os corpos foram encontrados depois que as autoridades perderam contato com os bombeiros, que lutavam contra as chamas na quinta-feira à noite no armazém, que fica no limite de Moscou, informou o ministério dos Serviços de Emergência.

"Os corpos de oito colegas foram encontrados na área principal de buscas", anunciou o ministério em um comunicado.

As vítimas fatais foram os primeiros bombeiros a chegar ao local do incêndio e ajudaram a retirar quase 100 trabalhadores dos edifícios.

De acordo com o ministério, os bombeiros lutavam contra as chamas no teto de um imóvel quando o edifício desabou.

As chamas foram apagadas por completo na manhã desta sexta-feira.

A Rússia registra muitas mortes a cada ano em incêndios. O país tem infraestruturas antigas e danificadas do período soviético, além de normas de segurança pouco rígidas.

No fim de agosto, 16 trabalhadores procedentes do Quirguistão morreram em um incêndio em um armazém de Moscou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos