Rússia quer reconstituir rapidamente o Coral do Exército Vermelho

Moscou, 27 dez 2016 (AFP) - A Rússia anunciou nesta terça-feira a intenção de reconstituir o mais rápido possível o Coral do Exército Vermelho, que perdeu 64 integrantes na queda de um avião militar no domingo no Mar Negro.

O Conjunto Alexandrov (nome pelo qual é conhecido o coral na Rússia) perdeu um terço de seus integrantes, incluindo seu diretor, na tragédia.

"Considero necessário colocar rapidamente 70 apartamentos a disposição do Conjunto Alexandrov para que possamos reconstituir este grupo o mais rápido possível", afirmou o ministro russo da Defesa, Serguei Shoigu.

"Temos que organizar um concurso e selecionar os melhores para que prossigam as tradições gloriosas do Conjunto Alexandrov, o principal conjunto das Forças Armadas russas", completou.

O avião que caiu no domingo no Mar Negro seguia para a base aérea russa de Hmeimim, perto de Latakia, noroeste da Síria. A bordo viajavam 92 pessoas, incluindo 64 membros do Coro do Exército Vermelho.

Os músicos passariam a noite de Ano Novo com os soldados russos mobilizados na Síria, onde Moscou apoia o regime de Bashar al-Assad.

A busca dos destroços do avião permitiu encontrar nesta terça-feira a principal caixa-preta do avião, um elemento essencial para determinar as causas do acidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos