Clima de tranquilidade e uma urna substituída marcam 2º turno em Manaus

Bianca Paiva - Correspondente da Agência Brasil

Os eleitores de Manaus começaram a votar duas horas após o início da votação em boa parte do país por causa do fuso horário e do horário de verão. De acordo com as últimas informações do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), a votação segue tranquila nas seções eleitorais. Até o momento, oito urnas apresentaram problemas. Apenas uma precisou ser substituída em uma seção do bairro Alvorada, causando atraso no início da votação no local.

"Estamos atentos. Quem tentar macular o pleito será punido com os maiores rigores da lei. Espero contar com a ajuda de todos e com a proteção de Deus para que o pleito continue ocorrendo com a maior tranquilidade possível", afirmou o corregedor do TRE-AM, desembargador João Simões, durante entrevista coletiva.

O secretário de Segurança Pública do Amazonas, Sérgio Fortes, informou que alguns veículos com adesivos de candidatos precisaram ser retirados dos locais de votação. Não há registros de prisão. "Nenhuma ocorrência efetivamente significativa nesse começo de pleito. Está muito tranquilo".

Boato

Ele aproveitou a ocasião para esclarecer que não há relação entre um boato que ocorreu neste sábado (29) nas redes sociais de uma possível ação de criminosos nas ruas da cidade e um tiroteio no início da noite no bairro Grande Vitória, zona leste.

A confusão teria começado após uma manifestação de moradores. Ainda não se sabe a motivação dos protestos. Fortes disse ainda que será investigado se há relação do ato com as eleições.

"Essa ocorrência foi levada para a Polícia Federal. Houve apoio da Polícia Militar e da Polícia Civil que estiveram lá, mas não podemos dar mais detalhes. O levantamento do que aconteceu somente poderá ser dado pela PF. O episódio de ontem não tem nada absolutamente a ver com as cartas e boatos que circularam. Está tudo sob controle naquela região", afimou Fortes.

Segundo o delegado-geral da Polícia Civil, Francisco Sobrinho, 72 bares foram fechados na madrugada deste domingo por descumprirem a Lei Seca. A venda e o consumo de bebida alcoólica estão proibidos desde a meia-noite e segue até às18h.

Mais de 1,2 milhões de eleitores devem ir às urnas hoje em Manaus em 430 locais de votação das zonas urbana e rural. Ao todo, são 3.322 seções eleitorais. Os candidatos Arthur Neto, do PSDB, que tenta a reeleição, e Marcelos Ramos (PR) votaram antes das 10h. O segundo turno das eleições na capital amazonense conta com o reforço de 1.279 homens do Exército.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos