Atlético-MG pede que CBF cancele partida contra Chapecoense pelo Brasileirão

Léo Rodrigues - Correspondente da Agência Brasil

A diretoria do Atlético-MG se manifestou por meio de nota na tarde de hoje (29) pedindo o cancelamento da partida contra a Chapecoense pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016. Mais cedo, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou novas datas para as competições nacionais, em decorrência do acidente aéreo com a equipe catarinense.

 

Equipes de resgate procuram vítimas entre os destroços do avião da ChapecoenseDivulgação/ Polícia de Antioquia

O segundo jogo da final da Copa do Brasil, que seria amanhã (30), ocorrerá no dia 7 de dezembro. Já a última rodada do Brasileirão mudou para o próximo domingo (11). No entanto, a partida entre Atlético-MG e Chapecoense segue incerta.

O clube catarinense entraria em campo amanhã (30) em Medellín (Colômbia) para o primeiro confronto da final da Copa Sul-Americana, contra o Atlético Nacional. A viagem em voo comercial terminou com um acidente nesta madrugada (29). Estavam a bordo 81 pessoas, sendo 72 passageiros e nove tripulantes. Há confirmação de ao menos 70 mortos, incluindo jogadores, integrantes da comissão técnica, dirigentes esportivos e jornalistas.

Na nota, o clube mineiro considera que, por uma questão humanitária, a realização do jogo é incabível mesmo no dia 11 de dezembro. "É importante, para isto, que haja deliberação da CBF e dos demais clubes da Série A", acrescenta o texto.

A não realização da partida tem pouco impacto para o resultado do Campeonato Brasileiro de 2016. O Atlético-MG já tem o 4º lugar assegurado: não tem mais condições de ultrapassar o Santos, 3º colocado, e nem de ser superado pelo Atlético-PR, que atualmente ocupa a 5ª posição.

Já a Chapecoense, atualmente em 9º, pode terminar a competição entre a 7ª e a 12ª posição. Sendo assim, não corre risco de rebaixamento e nem tem chances de entrar na zona de classificação da Libertadores, compreendida pelos seis primeiros lugares.

De toda forma, o clube catarinense deve disputar a Libertadores de 2017 como vencedor da Copa Sul-Americana. A Conmebol ainda não tomou nenhuma decisão oficial, mas o Atlético Nacional pediu que o título da competição seja entregue à Chapecoense. Outra hipótese possível é que os dois times sejam declarados campeões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos