Astronauta norte-americana bate recorde de tempo no espaço

Leandra Felipe - Correspondente da Agência Brasil

Peggy acumula recordes e chega hoje à marca dos 535 dias no espaço, feito inédito entre os astronautas dos Estados Unidos Nasa/Johnson Space Center/Agência Lusa

A astronauta norte-americana Peggy Whitson, de 57 anos, da Nasa, tornou-se a mulher que mais vezes chefiou uma missão espacial, ao assumir hoje (24), pela segunda vez, o comando da Estação Espacial Internacional. Peggy acumula recordes e chega hoje também à marca de 535 dias no espaço, índice inédito entre os astronautas dos Estados Unidos.

O recorde anterior era do astronauta Jeff Williams, que completou 534 dias no espaço. Até terminar a atual missão, Peggy Whitson superará Williams com larga margem, pois, quando regressar à Terra, terá completado 650 dias fora da atmosfera terrestre.

A astronauta também detém o recorde de maior quantidade de caminhadas espaciais e é a mulher mais velha a participar de uma missão da agência espacial americana.

Hoje, o presidente Donald Trump deve chamar Peggy em uma ligação de longuíssima distância para parabenizá-la pela quebra do recorde de estadia na Estação Espacial Internacional. Segundo assessores, o presidente vai telefonar para a astronauta ao lado da filha, Ivanka Trump.

A astronauta recordista é do estado de Iowa e doutora em bioquímica. Em um vídeo distribuído pela Nasa, ela disse que seu maior fascínio na profissão é poder contemplar o Planeta Terra do espaço, visualizando os oceanos e os continentes.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos