PUBLICIDADE
Topo

Governador impetrará ação contra presídio no Distrito Federal

26/03/2019 13h28

O governador do Distrito Federal (DF), Ibaneis Rocha, entrará hoje (26) com uma ação judicial pedindo o fechamento do presídio federal em Brasília. Segundo ele, relatórios de inteligência apontam a presença de integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC) na cidade. Alguns deles, inclusive, já foram presos.

"Insisto que é uma medida jabuticaba. Não existe um presídio federal a 6 km de um palácio presidencial em lugar nenhum do mundo. Não é o que está preso, que estão controlados. O problema é os que estão?soltos, que vêm aí".

Segundo o governador, na semana passada 8 membros do PCC foram presos no DF. "Quero saber quem vai dar segurança ao próprio ministro Moro [da Justiça]. Daqui a pouco teremos meus filhos estudando com os filhos desses presos, porque eles têm dinheiro".

O governador disse ter encaminhado hoje um ofício ao ministro da Justiça e ao presidente Jair Bolsonaro, mostrando todos os relatórios de inteligência do DF, segundo os quais dos líderes do Primeiro Comando da Capital (PCC) já estariam aqui na região. "Espero contar com a sensibilidade dos dois, e que o presídio seja desativado. Hoje pretendo entrar com ação judicial com base na Lei de Segurança Nacional para arrancar uma decisão judicial junto ao poder judicial, afastando essa jabuticaba".