Grupos contra e a favor de impeachment ficam frente a frente na Câmara

Brasília, 28 - O clima esquentou entre os manifestantes que estão concentrados neste momento no Salão Verde da Câmara à espera do presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cláudio Lamachia. Grupos a favor e contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff estão frente a frente gritando palavras de ordem e tumultuando a principal entrada da Casa.

Nesta tarde, os grupos já discutiram e cenas de "dedo na cara" marcaram o protesto. O grupo a favor do impeachment, que tinha, além de parlamentares, representantes da OAB, gritava "Lula ladrão, seu lugar é na prisão". Já o grupo contrário ao impedimento, que também tinha parlamentares de esquerda, gritava "Golpistas, fascistas, não passarão".

Representantes da OAB nacional vão protocolar nesta tarde mais um pedido de impeachment contra Dilma. No requerimento, a entidade incluiu como justificativa o conteúdo da delação premiada do senador Delcídio Amaral (sem partido-MS), as chamadas "pedaladas fiscais", as renúncias fiscais em favor da Fifa na Copa de 2014 e a tentativa de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como chefe da Casa Civil.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos