J&F afirma que Joesley Batista vai cumprir determinações da Justiça

Renato Carvalho, Camila Turtelli e Breno Pires

São Paulo

A J&F Holdings se posicionou sobre a decisão do juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília. Ele determinou o afastamento do empresário e proprietário da Holding J&F Participações S.A., Joesley Batista, da presidência do Conselho de Administração da companhia, e do conselho da Eldorado Brasil Celulose. Além disso, a J&F tem 30 dias para escolher um novo presidente para o conselho.

Em nota, a J&F afirma que Batista irá cumprir as medidas cautelares deferidas pelo juiz. A empresa ainda "reforça que tem o maior interesse no esclarecimento dos fatos e está, como sempre esteve, à disposição das autoridades". O empresário afirma que usará todas as medidas cabíveis para exercer o seu direito de defesa.

A Eldorado afirma que vai cumprir o prazo para eleger um novo presidente do conselho de administração. Outra determinação da Justiça Federal do DF é a intimação da defesa de José Carlos Grubisich Filho para que, no prazo de 5 dias, se manifeste em defesa dos pedidos feitos pelo Ministério Público Federal pelo afastamento dele do cargo de diretor-presidente da Eldorado e para que seja escolhido um novo nome para o cargo, de acordo com a legislação societária.

Em nota, Grubisich diz que irá utilizar o prazo concedido pelo juiz para recorrer contra seu possível afastamento da presidência da Eldorado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos