Embraer: vídeo adulterado distribuído nas redes sociais usa imagens da empresa

Fernando Nakagawa

Em Brasília

A Embraer divulgou comunicado para esclarecer que um vídeo produzido pela empresa foi adulterado e está sendo divulgado novamente pelas redes sociais. "Trata-se, lamentavelmente, de um vídeo adulterado, de autoria anônima e, portanto, sem autorização da Embraer", cita nota da empresa.

O vídeo usa imagens de uma apresentação de aeronaves e a adulteração incluiu na edição dados negativos sobre o Brasil - alguns, inclusive, errados - e palavras de ordem contra a situação político-econômica.

"A Embraer repudia o uso indevido de seus materiais institucionais e já alertou os canais de divulgação sobre a natureza falsa desse vídeo", cita o comunicado.

Em tempos de desinformação nas redes sociais, a empresa cita que o mesmo vídeo já havia sido denunciado em dezembro de 2017.

As imagens usadas pelo vídeo adulterado foram produzidas pela Embraer durante a feira aeronáutica de Paris do ano passado, a Paris Air Show.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos