Mostra conta detalhes da construção da Catedral de Milão

MILÃO 31 MAI (ANSA) - Mais de 40 mil documentos que relatam a história e a construção do Domo de Milão, uma das catedrais mais importantes da Itália, ficarão expostos ao público até junho na capital da Lombardia.   


A exposição, que acontecerá na Veneranda Fabbrica del Duomo, edifício que foi responsável pela construção e administração da igreja desde 1837, ocorrerá para celebrar o processo de restauração de milhares de peças do arquivo da organização.   


A inauguração da mostra "O Domo, A Cidade, a História" recebeu a presença do ministro de Bens Culturais da Itália, Dario Franceschini, nesta segunda-feira, dia 30, e foi elogiada pelo prefeito de Milão, Giuliano Pisapia, que disse que esse arquivo é "tão importante e belo que nem parece de verdade".   


A história que poderá ser vista no prédio até o dia 24 de junho não é apenas a da construção da catedral, das doações feitas para isso e dos voluntários que trabalhavam querendo em troca apenas um pedaço de pão, mas também da cidade como um todo.   


Poderão ser admirados, então, documentos como a transcrição da doação da Conca de la Viarenna, uma espécie de barragem navegável construída pela Venerada Fabbrica entre 1551 e 1558, o catálogo do Domo para a Exposição Universal de Milão de 1906, e manuscritos sobre sobre a estátua dourada da Nossa Senhora (a Madonnina), que se encontra atualmente no topo da igreja.   


Além disso, também já se encontram no local um vasto material fotográfico com mais de 80 mil fotos e negativos de filmes, uma biblioteca com mais de 9,5 volumes, uma volumosa seção musical com peças desde 1480, os registros de todas as doações feitas para a organização e 1,3 mil desenhos.   


"Nosso arquivo reúne a história de Milão e é muito bonito para nós poder entregar à cidade este tesouro", disse o presidente da organização, o monsenhor Giantonio Borgonuovo.   


Para a restauração do arquivo e a realização da mostra foram precisos 1,8 milhão de euros, cifra conseguida principalmente através de doações e que para Franceschini é "um exemplo a se seguir" até para o Arquivo de Estado. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos