Após Academia Sueca, Bob Dylan 'esnoba' encontro com Obama

WASHINGTON, 30 NOV (ANSA) - Após ter confirmado que não comparecerá à cerimônia de premiação do Nobel em Estocolmo, o músico norte-americano Bob Dylan "esnobou" mais um encontro relacionado ao título de Nobel de Literatura, dado a ele pela Academia Sueca em 13 de outubro: o com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Nesta quarta-feira, dia 30, o mandatário iria receber os vencedores norte-americanos desta edição do Nobel na Casa Branca e o cantor não apareceu. "Infelizmente, Bob Dylan não estará na Casa Branca hoje, então todos podem relaxar", disse, em tom irônico, o porta-voz do governo, Josh Earnest, sem explicar, no entanto, o motivo para a falta do compositor de "Like a Rolling Stone" no evento. Earnest também disse que Obama e Dylan, que recebeu em 2012 a medalha da Liberdade do governo dos EUA, já se encontram anteriormente e que o presidente adorou a pequena reunião.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos