Cristiano Ronaldo é dispensado da seleção para ver filhos

ROMA, 29 JUN (ANSA) - Após Portugal ser derrotado pelo Chile na semifinal da Copa das Confederações, o craque Cristiano Ronaldo foi liberado da seleção para conhecer seus filhos gêmeos, informou nesta quarta-feira (28) a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) Em comunicado, a FPF anunciou que o jogador foi liberado da disputa do terceiro lugar para conhecer os gêmeos, que nasceram antes do início da Copa das Confederações."O atleta, apesar do nascimento dos filhos, fez questão de ficar ao serviço da Seleção Nacional, num gesto que devemos sublinhar e enaltecer", diz o texto.   


Segundo a nota, os órgãos "entendem que, na impossibilidade de chegar ao objetivo de vencer a Taça das Confederações, devem libertar o atleta para que este possa, finalmente, ir conhecer os seus filho".   


Em sua página no Facebook, o jogador de 32 anos agradeceu a liberação e confirmou a paternidade de duas crianças.   


Recentemente, diversos veículos europeus especularam que CR7 seria pai de gêmeos, batizados de Mateo e Eva.   


"O Presidente da Federação Portuguesa de Futebol e o Selecionador Nacional tiveram hoje uma atitude que me sensibilizou e que não esquecerei. Estou muito feliz por poder, finalmente, estar com os meus filhos pela primeira vez", escreveu o craque português. Cristiano encerrou sua participação no torneio como artilheiro, com dois gols marcados, ao lado dos alemães Lars Stindl e Timo Werner. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos