PUBLICIDADE
Topo

'Bolsonaristas' dominam 2º turno nos estados

28/10/2018 23h50

SÃO PAULO, 28 OUT (ANSA) - Além de ter conquistado a Presidência da República, Jair Bolsonaro ainda catapultou candidatos para a vitória em mais da metade dos 13 estados que tiveram segundo turno neste domingo (28).   


Seu partido, o PSL, até então nanico, conquistou três: Rondônia (Coronel Marcos Rocha), Roraima (Antonio Denarium) e Santa Catarina (Comandante Moisés).   


Além disso, candidatos que colaram sua imagem a Bolsonaro também se elegeram, como Wilson Lima (Amazonas) e Wilson Witzel (Rio de Janeiro), ambos do PSC, o tucano João Doria (São Paulo) e o empresário Romeu Zema (Minas Gerais), do Novo.   


O PSDB conseguiu reduzir um pouco do vexame na disputa presidencial e legislativa e ainda faturou neste domingo os estados de Mato Grosso do Sul, com o reeleito Reinaldo Azambuja, e Rio Grande do Sul, com Eduardo Leite, o governador eleito mais jovem do país, com 33 anos.   


Os outros vitoriosos da noite são Belivaldo Chagas (PSD), em Sergipe, Waldez Goés (PDT), no Amapá, Helder Barbalho (MDB), no Pará, e Fátima Bezerra (PT), no Rio Grande do Norte. O PT será o partido com mais estados (quatro), à frente de MDB, PSDB, PSB e PSL, com três cada um.   


PSD, PSC e DEM terão dois estados cada, enquanto PDT, PP, PCdoB, PHS e Novo garantiram um cada. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.