PUBLICIDADE
Topo

Itália prende 3 suspeitos de morte de torcedor da Inter

30/12/2018 11h16

ROMA, 30 DEZ (ANSA) - As autoridades italianas prenderam neste sábado (29) três torcedores da Inter de Milão suspeitos de envolvimento nos conflitos da última quarta(26) antes da partida contra o Napoli, que deixou o italiano Daniele Belardinelli, de 35 anos, morto. A medida foi tomada pelo juiz Guido Salvini, após o primeiro suspeito que foi detido, o ultra Luca Da Ros, de 21 anos, relatar o nome do responsável pela confusão, Marco Piovella.   


Em depoimento, os outros dois presos, Francesco Baj e Simone Tira, ambos de 31 anos, afirmaram estar no local, mas negaram ter participado do confronto. Salvini, por sua vez, explicou que os três foram reconhecidos nas imagens captadas da via Novara. Na última quinta-feira (27), Belardinelli morreu após ser atropelado por uma van antes da partida no San Siro, válida pela 18ª rodada da Série A.   


O incidente ocorreu na via Novara, situada nos arredores do estádio, em meio a uma briga de torcidas. Uma van com napolitanos foi bloqueada e atacada por torcedores organizados da Inter. Os passageiros do veículo desceram e reagiram à agressão, e um deles acabou levemente ferido por uma faca.   


Ao deixar a zona da confusão, a van teria atropelado o nerazzurro, que chegou a ser levado a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.