PUBLICIDADE
Topo

Vale doará R$100 mil a famílias das vítimas de Brumadinho

28/01/2019 20h18

SÃO PAULO, 28 JAN (ANSA) - O diretor-executivo de Finanças e Relações com Investidores da Vale, Luciano Siani, anunciou nesta segunda-feira (28) que a empresa fará uma doação emergencial de R$100 mil a cada família das vítimas fatais da tragédia ocorrida após o rompimento de uma barragem de Feijão, em Brumadinho. "É uma doação. Não tem nada a ver com indenização", ressaltou.   


Até o momento, não se sabe quantas famílias receberão o benefício, mas a quantia será paga "imediatamente". De acordo com o último balanço, tragédia já acumulou 65 mortos, 279 desaparecidos, 192 resgatados, 386 localizados. "A doação começa imediatamente. O número de pessoas desaparecidas vocês acompanham, varia a cada momento. O que importa é que quem estiver com familiares desaparecidos receberá os recursos prontamente", afirmou.   


Durante entrevista coletiva, Siani também afirmou que uma equipe de psicólogos do Hospital Israelita Albert Einstein, especializada em tratamento de vítimas de catástrofes, foi contratada para atender os familiares das vítimas. Segundo o executivo, entre as medidas que serão tomadas, há a instalação de uma cortina de contenção no Rio Paraopeba a partir desta terça-feira (29), na tentativa de impedir que o rejeito atinja a captação de água da cidade de Pará de Minas, além do pagamento dos royalties da mineração a Brumadinho, mesmo com a paralisação das atividades da Vale. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.