PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Itália volta a passar de 80 mil casos diários de Covid-19

28/06/2022 11h18

ROMA, 28 JUN (ANSA) - A Itália registrou 83.555 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando para 18.343.422 as contaminações confirmadas na pandemia, informou o boletim do Ministério da Saúde nesta terça-feira (28).   

O número diário é o mais alto desde 27 de abril deste ano, quando foram confirmadas 87.940 infecções, e pode ter como uma justificativa a alta quantidade de testes realizados no período, que somaram pouco mais de 717 mil - bem acima da média dos últimos dias, que estava em cerca de 200 mil exames. Com isso, a taxa de positividade despencou de 24,5% da segunda-feira (27) para 11,6%.   

Foram ainda 69 mortes, elevando para 168.234 as vítimas da pandemia de Covid-19.   

Com o relatório desta terça, a média móvel dos últimos sete dias segue em forte alta, chegando a 54.149 casos, dado 141% maior do que no mesmo dia da última semana. Já a média de mortes subiu de 55 para 56, mas em número 6% menor do que na semana passada.   

Os casos ativos chegaram ao mais alto valor desde 25 de maio e alcançaram 773.450. Destes, 99,1% são de pessoas com sintomas leves ou assintomáticas, que necessitam apenas de isolamento domiciliar (767.178).   

Já os que necessitam ficar sob observação médica chegaram a 6.035 (0,8%) e os pacientes internados em unidades de terapia intensiva somam 237 (0,03%). (ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.