Pistorius é condenado a seis anos de prisão

Após ter sentença revista de homicídio involuntário para assassinato, atleta volta a ser condenado por disparar contra a namorada. Juíza afirma que "circunstâncias convincentes" permitiram pena menor que a prevista.

O atleta sul-africano Oscar Pistorius foi condenado nesta quarta-feira (06/07) a seis anos de prisão pelo assassinato da namorada, a modelo Reeva Steenkamp. Ao ler a sentença, a juíza afirmou que Pistorius, presente no tribunal, é um "herói caído".

O atleta corria o risco de enfrentar 15 anos de prisão - sentença mínima para assassinato na África do Sul - por disparar quatro vezes contra a namorada no banheiro da casa dele em Pretória, em 14 de fevereiro de 2013.

No entanto, a juíza Thokozile Masipa argumentou haver "circunstâncias substanciais e convincentes" no caso para reduzir a sentença. A magistrada afirmou que o atleta é um "bom candidato à reabilitação".

Os pais de Steenkamp, Barry and June, estavam presentes no tribunal, assim como uma série de outros parentes da modelo sul-africana e de Pistorius. A juíza ordenou um recesso para que a procuradoria e os advogados de defesa do atleta tenham tempo de decidir se vão recorrer.

Drama legal

A sentença desta quarta-feira é o último ato de um drama legal que já dura três anos e meio. Em dezembro do ano passado, a mais alta corte de apelações da África do Sul havia alterado o veredicto de Pistorius de homicídio involuntário para assassinato.

A decisão do Tribunal Supremo de Apelação atendeu a um pedido da promotoria pública, que solicitou o endurecimento da pena anterior, de cinco anos de cadeia, que o atleta cumpria em prisão domiciliar.

Os juízes haviam concluído que a magistrada que julgou Pistorius em 2014 cometeu vários erros, num veredicto que chamaram de confuso, e consideraram provado que o atleta podia prever a possibilidade de matar a namorada. Ele alega ter pensado que ela era um intruso se escondendo no banheiro.

Pistorius, de 29 anos, teve as duas pernas amputadas abaixo do joelho quando tinha apenas 11 meses de idade, devido a um problema congênito. Ele fez história ao correr nos Jogos Olímpicos de 2012, com suas próteses de fibra de carbono, e se tornou um dos atletas mais reconhecidos do mundo.

LPF/ap/afp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos