PUBLICIDADE
Topo

Bolsonaro recebe alta da unidade semi-intensiva

22/09/2018 17h30

Boletim médico informa que candidato à Presidência foi transferido para um quarto no hospital Albert Einstein após "evolução com melhora clínica progressiva". Em vídeo, ele prevê voltar para casa até o fim do mês.O candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL) recebeu alta da unidade de terapia semi-intensiva, onde está sendo tratado após um ataque a faca durante um ato de campanha em Juiz de Fora, informou neste sábado (22/09) o Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo.

Um boletim médico comunicou que o presidenciável "evolui com melhora clínica progressiva" e "não apresenta dor, febre ou disfunções orgânicas". Ele foi transferido da unidade semi-intensiva para um quarto na manhã deste sábado, acrescentou o hospital.

"Segue com recuperação dos movimentos intestinais, recebendo dieta pastosa em associação à nutrição parenteral", diz o comunicado. "Está mantendo as medidas de prevenção de trombose venosa, realizando exercícios respiratórios, de fortalecimento muscular e períodos de caminhada fora do quarto."

Bolsonaro começou uma dieta de alimentos pastosos nesta sexta-feira, em decorrência da recuperação dos movimentos intestinais, e teve "ótima aceitação", segundo os médicos.

O candidato do PSL está internado no Albert Einstein desde 7 de setembro, para onde foi transferido após receber uma facada na região abdominal em Juiz de Fora, Minas Gerais, quando participava de uma atividade de campanha em 6 de setembro.

Afastado desde então da campanha eleitoral, Bolsonaro deixou a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no domingo passado. Antes disso, ele foi submetido a uma cirurgia de emergência para tratar uma aderência que obstruía o intestino delgado.

Em vídeo publicado do hospital nesta sexta-feira, ele declarou que "nunca se sentiu tão bem na vida" e disse acreditar que receberá alta até o fim de setembro, antes do primeiro turno das eleições presidenciais, em 7 de outubro.

Desde o início da corrida eleitoral, o militar reformado vem liderando as intenções de votos. A mais recente pesquisa, do instituto Datafolha, revelou na quinta-feira que o candidato segue subindo e conquistando eleitores.

A sondagem colocou Bolsonaro com 28% das intenções no primeiro turno – apesar de liderar também a lista de candidatos mais rejeitados, com 43%. Em segundo lugar, aparecem tecnicamente empatados Fernando Haddad (PT), com 16%, e Ciro Gomes (PDT), com 13%.

EK/abr/ots

___________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | WhatsApp
| App | Instagram | Newsletter