Companhia aérea de avião que caiu no Nepal confirma morte dos 23 ocupantes

Katmandu, 24 fev (EFE).- A companhia aérea do avião que caiu nesta quarta-feira em uma região montanhosa do Nepal confirmou a morte dos 23 ocupantes do avião 9N-AHH, entre eles 20 passageiros, dois deles turistas, e três membros da tripulação.

"Informamos que as 23 pessoas a bordo morreram", informou a companhia Tara Air através de um comunicado.

A companhia, que tinha garantido que "as condições meteorológicas tanto no aeroporto de origem como no de destino eram boas" no momento em que a aeronave desapareceu, enviou suas condolências aos familiares dos mortos.

"Estamos assistindo aos familiares e amigos dos passageiros e da tripulação. Não podemos desfazer a dor que sentem, mas podemos compartilhar com eles a carga desta tragédia", concluiu a Tara Air.

Entre os passageiros havia um turista chinês e outro kuwaitiano e duas crianças.

O comunicado da companhia foi divulgado depois de tanto o exército como a polícia do Nepal descartarem a possibilidade de encontrar algum dos 23 passageiros com vida e adiarem as buscas devido ao mau tempo.

"Após resgatar 17 corpos tivemos que interrmper os trabalhos de resgate por causa da neve", afirmou a Efe o porta-voz do exército, Tara Bahadur Karki.

Três helicópteros e um batalhão com 72 soldados participaram da busca do aparelho acidentado.

O bimotor 9N-AHH decolou do aeroporto da cidade de Pokhara às 7h47 (23h15 de terça-feira em Brasília) com direção à cidade de Jomsom, a 2.700 de altitude, a 160 quilômetros de distância por estrada, mas perdeu o contato 11 minutos depois da decolagem.

O avião foi localizado em uma área de difícil acesso, a quase 4.900 metros de altitude em Dana, no distrito de Mygdi, no meio do caminho entre a origem e o destino do voo.

Um agente da polícia, Phul Kumar Thapa, contou à Efe desde o lugar do acidente que havia destroços da aeronave espalhados em uma área de 100 metros, e que viu "corpos e partes de corpos espalhado".

Na última década houve pelo menos sete acidentes com pequenas aeronaves ou aviões de pequeno porte no Nepal que deixaram um total de 125 mortos, muitos deles turistas que visitavam o montanhoso país encravado na cordilheira do Himalaia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos