Fortes chuvas no norte da China deixam 1 morto e 34 desaparecidos

Pequim, 20 jul (EFE).- Pelo menos uma pessoa morreu e 34 estão desaparecidas por conta das fortes chuvas que acontecem nesta quarta-feira no norte da China, onde há alerta vermelha devido o temporal.

As autoridades meteorológicas da província de Hebei, que faz fronteira com Pequim, emitiram hoje o alerta vermelho (o máximo de um sistema de quatro cores) devido a previsão que as fortes chuvas continuarão nas próximas horas.

Segundo a rede de televisão oficial "CCTV", mais de 200 voos foram cancelados em Pequim em consequência da chuva, que deve continuar durante os próximos dois dias no norte e leste da China.

Em Hebei, o governo local disse que as chuvas provocaram desastres em 19 municípios, além de transbordar rios e danificando 11 reservatórios, duas estações hidrelétricas e 112 estações de telecomunicações da região.

As autoridades realojaram 67.158 pessoas por razões de segurança, por conta da ameaça de mais inundações e deslizamentos de terra.

Enquanto, em Pequim, cidade que sofre com um sistema de drenagem antiquado, sobretudo nas partes mais centrais e antigas da cidade, já apresenta zonas inundadas, repetindo um fenômeno do verão, quando são frequentes as tempestades.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos