Bombardeios na província síria de Idlib deixam pelo menos 16 mortos

(Atualiza com mortes em novos ataques).

Beirute, 24 out (EFE).- Pelo menos 16 pessoas morreram nesta segunda-feira, entre elas sete crianças e três mulheres, em bombardeios de aviões de guerra não identificados e disparos de artilharia do exército de Bashar al Assad contra distintas partes da província de Idlib, no norte da Síria.

O Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH) detalhou que sete dessas pessoas morreram em um ataque aéreo na cidade de Khan Shijun, no sul da província.

Outras sete pessoas morreram em bombardeios similares em Kafr Tajarim, no norte de Idlib.

Além dessas vítimas, um homem e uma mulher morreram por fogo da artilharia governamental em Kafr Uid, na região de Jabal Zawiya, também em Idlib.

Também ocorreram bombardeios nas imediações da cidade de Yisr al Shogur, no oeste da província, mas não há informações sobre vítimas.

O OSDH lembrou que, desde o último dia 20, pelo menos 44 pessoas morreram pelos bombardeios e pelos disparos de projéteis na região.

A maior parte da província está sob o controle da Frente da Conquista do Levante (antigo braço sírio da Al Qaeda) e de outras facções rebeldes e islâmicas.

Por outro lado, pelo menos cinco pessoas, entre elas duas crianças, morreram por disparos da artilharia dos efetivos leais a Assad na cidade de Duma, a maior de Ghouta Oriental, o principal reduto rebelde nos arredores da capital Damasco.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos