Mais de 230 mil crianças pertencem a famílias que estão sem renda na Grécia

Atenas, 24 out (EFE).- Mais de 230 mil crianças da Grécia vivem em lares nos quais todos os adultos da família estão desempregados e não recebem qualquer ajuda do Estado, segundo os dados do escritório de estatísticas Elstat divulgados nesta segunda-feira pela imprensa grega.

No total, o Elstat informou que a Grécia tem mais de 4,5 milhões de pessoas em risco de pobreza após os anos de crise e de aplicação de medidas de austeridade no país.

Além disso, o escritório de estatísticas revelou que 39,9% dos gregos não podem arcar com as despesas de pelo menos três elementos de um total de nove de uma lista elaborada pelo órgão, que inclui necessidades básicas, como alimentos e calefação, e complementares, como a manutenção de um veículo e férias de uma semana.

De acordo com o Elstat, até 44,5% das crianças gregas pertencem a famílias com essas carências.

Os últimos dados sobre emprego na Grécia, que se referem ao mês de julho, situam a taxa de desocupação em 23,2%. Já entre os jovens (pessoas com entre 15 e 24 anos) esse índice chega a 42,7%.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos