Polícia francesa detém 13 imigrantes escondidos em caminhão frigorífico

Paris, 23 nov (EFE).- Agentes da polícia de fronteira da França prenderam 13 imigrantes de origem síria e iraquiana no porto de Calais, no norte do país, escondidos dentro de um caminhão frigorífico espanhol que se dirigia para a Grã-Bretanha, segundo informações divulgadas pela imprensa local nesta quarta-feira.

Quatro dos detidos, de nacionalidade síria, precisaram ser internados em um hospital de Calais por terem sofrido um quadro de hipotermia leve dentro do caminhão, onde a temperatura era de cerca de 6 graus, de acordo com as autoridades.

Os outros nove, todos iraquianos, foram interrogados pela Polícia e transferidos à delegacia de Coquelles, informou a emissora francesa "BFM TV".

O motorista do caminhão, de nacionalidade espanhola, pôde continuar sua rota rumo à Grã-Bretanha, já que a polícia considerou que ele não teve relação com o ocorrido.

Quase um mês depois que as autoridades desmontaram o maior acampamento de imigrantes da França, em Calais, as detenções de pessoas que tentam atravessar o país rumo ao Reino Unido escondidos dentro de caminhões diminuíram notavelmente.

Segundo a Prefeitura de Calais, o número de pessoas descobertas em caminhões de carga perto do porto ou do eurotúnel caiu de 2 mil pessoas por semana a 200 por semana.

Caso os trâmites frequentes sejam seguidos, segundo a "BFM TV" os imigrantes localizados hoje serão realocados em centros de retenção à espera de serem enviados de volta a seus países de origem ou ao país onde registraram sua entrada na Europa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos