Damasco e oposição síria continuem sem confirmar participação em Astana

Astana, 26 jun (EFE).- O Governo e a oposição síria continuam sem confirmar sua participação na quinta rodada de negociações de Astana, da qual vão participar os países fiadores do cessar-fogo na Síria, informou hoje o ministro de Exteriores do Cazaquistão, Kairat Abdrakhmanov.

"Esperamos a pronta confirmação sobre a participação das delegações do Governo da Síria e da oposição armada na reunião programada para os próximos dias 4 e 5 de julho", disse Abdrakhmanov aos jornalistas.

Os três países fiadores (Rússia, Turquia e Irã) do cessar-fogo, em vigor desde o final de dezembro deste ano, confirmaram presença em Astana.

Também irão à quinta rodada de negociações o representante especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, e uma delegação da Jordania, acrescentou o chefe da diplomacia cazaque.

O objetivo da reunião será debater a situação na Síria e a aplicação dos acordos fechados nas reuniões anteriores, entre eles a implementação de quatro zonas de segurança.

Essas zonas foram criadas para proteger a população civil e diminuir a tensão entre os rebeldes e as forças governamentais.

A quinta rodada do processo de Astana estava programada para os dias 12 e 13 de junho, mas foi posposta por decisão dos Estados fiadores, que queriam mais tempo para estudar a situação.

Astana-5 acontecerá em um contexto pouco propício devido ao abate de um caça sírio por parte dos Estados Unidos no dia 18 de junho e que representou a suspensão da cooperação de EUA e Rússia na Síria. EFE

kk-aep/ma

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos