PUBLICIDADE
Topo

Trabalho de resgate no Texas terá apoio de 24 mil soldados da Guarda Nacional

30/08/2017 15h39

Austin (EUA), 30 ago (EFE).- Um total de 24 mil soldados da Guarda Nacional dos Estados Unidos serão enviados ao Texas para ajudar nas tarefas de resgate e ajuda aos afetados pela tempestade tropical Harvey.

O governador do Texas, Gregg Abbott, informou nesta quarta-feira que o número de integrantes da Guarda Nacional, parte da reserva das Forças Armadas das EUA, será dobrado no estado nas próximas horas. Até então, 12 mil homens estavam na região.

O envio de mais agentes tem como objetivo ajudar as equipes de resgate devido à gravidade das inundações provocadas pela tempestade Harvey, sobretudo na cidade de Houston, a quarta maior dos EUA. Pelo menos 20 pessoas já morreram e milhares estão desabrigadas.

Dessa forma, 10 mil militares de outros estados e 2 mil homens da Guarda Nacional que estavam em outros países chegarão no Texas nas próximas horas para ajudar nas tarefas de busca e resgate das vítimas, especialmente na cidade de Houston.

"É o maior envio (de soldados) na história do Texas por uma catástrofe natural e certamente esse número seguirá crescendo nos próximos dias", indicou o governador.

Apesar de ter se transformado em uma tempestade tropical após ter chegado ao Texas como um furacão de categoria 4 de uma escala que vai até 5, Harvey continua provocando fortes chuvas no estado.

Os 12 mil membros da Guarda Nacional que já estão no Texas foram divididos em 24 condados da região sudeste do estado, auxiliando nas buscas, resgates e em tarefas de abastecimento das vítimas.

Eles contam, segundo o governador, com um total de 600 veículos terrestres, cem helicópteros e mais de 300 embarcações para chegar às regiões afetadas. Além disso, chegarão ao Texas mais 200 veículos terrestres e 200 barcos do Departamento de Defesa.

Abbott lembrou que decretou estado de desastre em 11 condados do Texas, o que permite que as autoridades e os cidadãos peçam ajuda à Agência Federal para Gestão de Emergências (Fema).

O órgão, que recebeu até o momento 210 mil pedidos de auxílio individual, já aprovou repasses de US$ 37 milhões.

O governador alertou que as chuvas constantes na região sudeste do Texas e na fronteira com a Louisiana seguirão provocando "inundações catastróficas". Por isso, recomendou que os moradores desses locais continuem seguindo as ordens das autoridades.

Além disso, Abbott pediu que esses moradores não tentem de forma alguma dirigir em regiões inundadas, já que a maior parte das mortes confirmadas até o momento ocorreram dessa forma.

Abbott não confirmou o número de mortos pela tragédia, mas a imprensa indica que mais de 20 pessoas morreram pela passagem do Harvey. A tempestade provocou, em apenas três dias, a quantidade de chuva que Houston recebe ao longo de um ano.