Forças de Israel matam palestino que se aproximou de carro de forma suspeita

Jerusalém, 31 out (EFE).- Um cidadão palestino morreu nesta terça-feira e a sua irmã ficou ferida depois que soldados israelenses abriram fogo contra o seu veículo, que teria se aproximado "de forma suspeita" de um grupo de militares no território ocupado da Cisjordânia, informaram fontes oficiais palestinas.

As vítimas são dois irmãos que trafegavam em um carro perto do assentamento de Halamish, ao norte de Ramala, nas proximidades da cidade palestina de Nabi Saleh, quando um grupo de soldados disparou contra o seu veículo depois que este se aproximou deles, atingindo os dois ocupantes, confirmou à Agência Efe o porta-voz do Ministério de Assuntos Civis palestinos, Waleed Wahden.

A vítima fatal é Mohammed Abdula Musa, de 26 anos, original da cidade de Deir Ballout, e sua irmã Latifa, de 33 anos, que foi atingida no ombro e se encontra "em condição moderada", informou a agência estatal palestina "Wafa".

As autoridades palestinas negociam com as israelenses a devolução do corpo, que teria sido levado a Israel, antes da confirmação da morte da vítima, para receber atendimento médico, afirmou Wahden.

O exercito israelense indicou esta manhã em comunicado que "um veículo palestino se aproximou de soldados das Forças de Defesa de Israel de forma suspeita perto da cidade de Nabi Saleh (norte de Cisjordânia). Os soldados perceberam o veículo como uma ameaça e, consequentemente, dispararam contra ele para pará-lo".

"Dois palestinos no veículo foram feridos, um foi levado para um hospital israelense enquanto o outro foi levado por uma equipe médica local. Não há soldados feridos. O incidente está sendo investigado", acrescentaram as forças israelenses na nota militar.

Antes da confirmação da morte de Musa, o serviço de emergências Maguen David Adom (Estrela Vermelha de David, MDA), afirmou que suas equipes chegaram a atender um palestino que teria sido ferido após tentar realizar um ataque.

"Numa tentativa de ataque terrorista contra soldados em Halamish, um terrorista foi ferido ao ser neutralizado pelas forças de segurança", informou a MDA.

Segundo o site "Times of Israel", soldados israelenses dispararam contra dois palestinos que se deslocavam em um carro e tentaram atropelá-los, ferindo o motorista moderadamente.

De acordo com a publicação israelense, o veículo se aproximou dos soldados "de forma suspeita" e os militares abriram fogo, ferindo o motorista.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos