PUBLICIDADE
Topo

Veja os finalistas do Prêmio Empreendedor Social; ajude a eleger o vencedor

Do UOL, em São Paulo

21/10/2013 05h00

Os prêmios Empreendedor Social e Empreendedor Social de Futuro 2013, realizados pela Folha de S.Paulo em parceria com a Fundação Schwab, receberam 227 inscrições neste ano: 10 empreendedores de sete organizações chegaram à final.

Neste ano, não é só um júri especializado que escolherá os vencedores: você também poderá participar.

Seu voto ajudará a definir quem será o vencedor na categoria “Escolha do Leitor”.

Abaixo, estão vídeos de um minuto cada com os finalistas. Assista aos vídeos e vote no seu candidato preferido (os sete vídeos estão um ao lado do outro; primeiro, aparecem quatro deles; para visualizar os outros três, posicione o mouse sobre o último candidato abaixo, à direita, que aparecerá uma seta; clique nela que os demais candidatos aparecerão; o botão "Votar" está sob cada um dos vídeos).

Aproveite e multiplique essa ideia em suas redes sociais: afinal, boas notícias merecem ser tornar virais.

O resultado sai no dia 21 de novembro, ao vivo, durante a cerimônia de premiação, que será transmitida pelo UOL.

Acompanhe as notícias dos prêmios e confira o regulamento dos concursos.

Alice Freitas

34 anos, advogada

É cofundadora da Asta, que, com a venda porta a porta e a criação de brindes feitos com sobras da produção das empresas, fortalece grupos produtivos formados por mulheres de baixa renda.

Alessandra Orofino e Miguel Lago

24 anos, economista / 26 anos, administrador público

Criaram a plataforma interativa Meu Rio, que conecta os cidadãos cariocas com seus representantes políticos e cria mobilizações de interesse público.

Alexandre Amorim, Luiz Ribas e Diego Moreira

23 anos, administrador / 24 anos, economista / 24 anos, economista

Na Asid, desenvolveram uma metodologia que melhora a gestão e a estrutura de escolas especiais de Curitiba, sem que elas paguem por isso.

Merula Steagall

46 anos, administradora

Mentora da Abrale e da Abrasta, que, além de oferecer assistência a pacientes com doenças graves no sangue, produz e dissemina conhecimentos na área onco-hematológica, com impacto em políticas públicas.

Regina Guarita

67 anos, arte-educadora

Na Arte Despertar, usa arte e cultura para reconectar indivíduos em situações críticas, como profissionais sobrecarregados da saúde, pacientes hospitalizados e crianças socialmente vulneráveis.

Sylvia Guimarães

34 anos, historiadora

Por meio da leitura, da escrita e da oralidade, desenvolve na Vaga Lume intercâmbios culturais que promovem o protagonismo de pessoas e comunidades rurais da Amazônia.

Tony Marlon

29 anos, jornalista

Fundou a Escola de Notícias, que, com oficinas de comunicação que valorizam histórias de vida, transforma, dá voz e trabalho a jovens da periferia da zona sul de São Paulo.