Giro UOL traz os destaques da noite desta quarta, 24/08, para você; ouça

Alexander Vestri

Do UOL, em São Paulo

Na mira do MPF

O Ministério Público Federal pediu a condenação do ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, do ex-marqueteiro do PT, João Santana, da esposa e sócia dele, Mônica Moura, e de outras três pessoas.

Eles são acusados de participação no esquema de desvio de recursos na contratação de obras da Sete Brasil em quatro plataformas da Petrobras. Além das condenações, a força-tarefa da Lava Jato pediu ainda o confisco de quase R$ 800 milhões de reais pagos em propina.

Leia mais



Partidos excluídos

Relatores no Supremo Tribunal Federal votaram por manter candidatos de partidos pequenos fora dos debates políticos durante as eleições municipais deste ano. Os ministros Dias Toffoli e Rosa Weber foram a favor da nova lei eleitoral, que prevê que apenas candidatos de partidos ou coligações com mais de nove deputados federais na Câmara têm presença assegurada nos debates de rádio e TV. Os outros nove ministros do STF ainda não votaram no caso.

Em São Paulo, candidatos como Luíza Erundina (PSOL) e Levy Fidelix (PRTB) ficaram de fora do primeiro debate, na TV Bandeirantes.

Leia mais



Tragédia na Itália

Já passa de 120 o número de mortos no terremoto de magnitude 6,2 que atingiu o centro da Itália na madrugada de hoje. De acordo com o Itamaraty, não há brasileiros entre as vítimas.

O prefeito de Amatrice, uma das cidades mais afetadas pelo tremor, disse que "metade da cidade não existe mais".

Leia mais



Embate na Corte

O ministro do STF Gilmar Mendes e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vivem um embate. No centro dessa disputa, está a Lava Jato e um pacote de medidas contra a corrupção enviada pelo Ministério Público Federal ao Congresso.

Mendes criticou uma proposta defendida pelo MPF e pelo juiz federal Sergio Moro de que provas ilícitas obtidas de boa fé podem ser usadas em ações. Janot respondeu dizendo que vê uma ação orquestrada para barrar a operação Lava Jato.

Leia mais



Só depois do impeachment

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou que a votação definitiva do reajuste salarial dos ministros do STF vai ser no dia 6 de setembro. Ele criticou também a rejeição de alguns parlamentares à medida e disse que o problema fiscal do país não vai se agravar com o reajuste salarial do Judiciário.

O aumento dos ministros eleva também o teto do funcionalismo e tem impacto, por exemplo, nos salários dos demais juízes federais e ministros do Tribunal de Contas da União e servidores estaduais. A remuneração dos ministros passará de R$ 33,7 mil para R$ 39,2 mil, uma alta de R$ 6.000.

Leia mais



Tucano preso

A Polícia Federal prendeu temporariamente o presidente do PSDB de Goiás, Afrêni Gonçalves Leite. Ele é investigado na operação Decantação, que analisa o suposto desvio de R$ 4,5 milhões dos cofres públicos por meio de contratos fraudulentos da Saneago, empresa de Saneamento de Goiás.

O PSDB goiano aparece como um dos beneficiários do esquema por supostamente receber dinheiro ilícito por meio de doações legais e também via caixa dois.

Leia mais
 


Jogou confete e sumiu

O deputado Wladimir Costa (SD-PA) roubou a cena na votação do impeachment na Câmara, em 17 de abril, ao lançar um rojão de confetes em plenário quando declarou o voto a favor do afastamento da presidente Dilma Rousseff.

Mesmo depois do destaque que ganhou no noticiário, Costa foi um dos deputados mais ausentes no primeiro semestre. Faltou a 19 dos 54 dias em que a presença era obrigatória, e nenhuma das faltas foi justificada. A Constituição prevê a perda do mandato de quem faltar a mais de um terço das sessões ao longo de um ano sem justificar, mas a Câmara permite que o parlamentar abone a ausência depois.

Leia mais



Mercado financeiro

A Bolsa fechou em queda de 0,52%, com 57.717,88 pontos. Apesar de cair no dia, a Bolsa acumula ganho de 0,71% no mês e de 33,14% no ano.

No mercado de câmbio, o dólar caiu 0,33%, cotado em R$ 3,223.

Leia mais



Inflação desacelerando

O IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor - Amplo 15), considerado uma prévia da inflação oficial (IPCA), foi de 0,45% em agosto, de acordo com o IBGE. O resultado mostra desaceleração em relação a julho, quando o indicador havia mostrado alta de preços de 0,54%. Em agosto do ano passado, foi de 0,43%.

No ano, a alta de preços acumulada é de 5,66%. O acumulado dos últimos 12 meses ficou em 8,95%.

Leia mais



Polêmica com a onça

O Ministério Público Federal no Amazonas entrou com uma ação para que o Exército pague indenização pela morte da onça Juma, sacrificada depois da cerimônia de revezamento da Tocha Olímpica em Manaus, em junho.

O MPF alega que o Comando Militar da Amazônia decidiu utilizar o animal na apresentação às vésperas do evento, mesmo com recomendação contrária de veterinários, e pede o pagamento de R$ 100 mil pela perda de um animal silvestre ameaçado de extinção, e mais R$ 1 milhão por danos morais coletivos. Além disso, a ação tenta impedir que o Exército use animais silvestres em eventos públicos, como no desfile de 7 de setembro.

Leia mais



Beatles no Brasil

Atenção, fãs dos Beatles. Uma exposição promete um mergulho na trajetória de John, Paul, George e Ringo, o quarteto de Liverpool também considerado por muitos como "a maior banda de todos os tempos".

A mostra Beatlemania Experience começa nesta quarta-feira no estacionamento do Shopping Eldorado, em São Paulo.

Leia mais

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos