Trump diz que encontro com Putin foi uma "honra" e cita "conversas muito boas"

HAMBURGO (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que foi uma "honra" encontrar com o presidente russo, Vladimir Putin, pela primeira vez e disse estar ansioso para que coisas positivas aconteçam no relacionamento entre os dois ex-inimigos de Guerra Fria.

"Putin e eu temos discutido várias coisas, e eu acho que está indo muito bem", disse Trump a repórteres, sentado ao lado de Putin, com quem se encontrou pela primeira vez nesta sexta-feira durante a cúpula do G20.

"Nós tivemos algumas conversas muito, muito boas. Nós vamos conversar agora e obviamente isso vai continuar. Nós estamos ansiosos para muitas coisas positivas acontecendo para a Rússia, para os Estados Unidos e para todos os envolvidos. E é uma honra estar com você."

Putin, por meio de um tradutor, disse que embora os dois líderes já tivessem conversado por telefone, um telefonema nunca é suficiente, chamando seu encontro bilateral de importante.

"Estou encantado de encontrar você pessoalmente", disse Putin.

(Reportagem de Roberta Rampton)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos