Ex-líder catalão Puigdemont diz estar aberto a encontrar com premiê espanhol para conversar

MADRI (Reuters) - O ex-líder da Catalunha, Carles Puigdemont, disse nesta sexta-feira que encontraria com o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, para conversar fora da Espanha, um dia depois que separatistas regionais conquistaram a maioria parlamentar em uma eleição local.

"Estou aberto a encontrar (Rajoy) em Bruxelas ou em um país diferente dentro da UE que não seja a Espanha", disse em pronunciamento televisionado em Bruxelas.

Ele também disse que pode retornar à Espanha se receber garantias de que poderá assumir sua posição como líder de um potencial novo governo catalão.

Puigdemont está vivendo em autoexílio em Bruxelas desde outubro, quando Rajoy destituiu seu governo regional após um referendo de independência considerado ilegal e da proclamação de independência da Catalunha. Desde então, muitos membros de seu gabinete foram presos enquanto aguardam uma investigação sobre a tentativa de independência.

(Reportagem de Carla Raffin)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos