Após condenação de Lula, Maia diz ser quase impossível prever cenário para eleições de outubro

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da República em exercício, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta quinta-feira que a manutenção da condenação do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva pelo Tribunal Regional Federal da 4ª região no caso do tríplex no Guarujá está “dada”, assim como suas consequências.

Questionado se a decisão da véspera do TRF-4 fortalece uma candidatura de centro ao Planalto nas eleições deste ano, Maia afirmou que o atual contexto político dificulta uma previsão para daqui 24 horas, tornando quase impossível fazer uma avaliação para outubro.

(Por Maria Carolina Marcello)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos