Agente do FBI mata por acidente vítima de sequestro durante operação de resgate

Por Rich McKay

(Reuters) - Um agente do FBI atirou fatalmente contra uma vítima de sequestro na madrugada de quinta-feira, durante operação que tinha como objetivo resgatar o homem das mãos de seus sequestradores em uma casa na cidade norte-americana de Houston, reportaram o jornal The Houston Chronicle e outros veículos.

Poucos detalhes sobre a identidade da vítima e o motivo do sequestro foram divulgados. Um porta-voz do escritório do FBI em Houston não estava disponível de imediato para comentar o caso.

A vítima foi sequestrada na quarta-feira em sua casa na cidade de Conroe, localizada 64 quilômetros ao norte de Houston, onde foi mantida em cativeiro, segundo relatos da mídia.

O Houston Chronicle reportou que o irmão do homem recebeu um telefonema de alguém dizendo fazer parte de um cartel e pedindo o pagamento de um resgate. Em seguida, a polícia e o FBI foram alertados.

A porta-voz do FBI Christina Garza disse que um agente atirou contra o homem pouco depois das 4h da madrugada de quinta-feira, e que ele morreu no hospital, segundo o jornal The Dallas Morning News. A porta-voz forneceu alguns outros detalhes durante coletiva de imprensa, citando uma investigação em andamento.

Dois homens e uma mulher foram presos sob acusações de sequestro e outras infrações, e a investigação está em andamento. O agente que atirou contra o homem foi posto em licença administrativa, disse Christina Garza, segundo relatos da mídia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos