PUBLICIDADE
Topo

Sobe para 65 número de mortos por rompimento da barragem em Brumadinho, há 279 desaparecidos

28/01/2019 20h06

(Reuters) - Subiu para 65 o número de mortes confirmadas após o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho (MG) e ainda existem 279 pessoas desaparecidas, informou nesta segunda-feira o tenente-coronel Flávio Godinho, coordenador da Defesa Civil de Minas Gerais.

Em entrevista a jornalistas em Brumadinho, onde a barragem da usina da mina do Córrego do Feijão se rompeu na sexta-feira liberando uma onda de lama que devastou os arredores, Godinho disse que o número de pessoas resgatadas se manteve em 192. Entre os óbitos, 31 corpos foram identificados.

(Por Eduardo Simões, em São Paulo)