PUBLICIDADE
Topo

Vídeos

Schelp: 'Bolsonaristas radicais ficaram frustrados com discurso em 7 de setembro'

08/09/2021 14h47

Um grupo de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) tentou invadir na manhã de hoje a sede do Ministério da Saúde, em Brasília, mas foi contido por seguranças. A ação ocorreu um dia após protestos a favor do governo e com pautas antidemocráticas, com pedidos de fechamento do STF (Supremo Tribunal Federal) e intervenção militar. Diogo Schelp, colunista de política do UOL, analisou que a reação dos manifestantes contra o Ministério mostra a frustração deixada após os atos de 7 de setembro e o discurso do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Na análise de Schelp, os bolsonaristas radicais esperavam que as falas do presidente representassem uma mudança, e não as mesmas ameaças que ele já fazia contra o STF.

Vídeos