PUBLICIDADE
Topo

'Não há razão para duvidar que vacinas atuais protegem'

redacaojornaldocommercio

07/12/2021 23h38

Não há provas de que a ômicron provoque uma doença mais grave do que as variantes anteriores da covid-19 e "não há razão para duvidar" da eficácia das vacinas contra a nova variante, declarou um alto funcionário da OMS, nesta terça-feira (7).