Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2012/04/21/brasileiros-fazem-manifestacoes-contra-a-corrupcao.htm
  • totalImagens: 98
  • fotoInicial: 27
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120421134605
    • protesto [29229]; Corrupção [9154];
    • Rio de Janeiro [5108]; Brasília [5301]; Ribeirão Preto [7338]; São Paulo [5106]; Curitiba [5098]; Belém [5295]; Belo Horizonte [5100]; Campo Grande [5091];
    • aplicativo notícias [55626];
Fotos
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Manifestantes participam de ato contra a corrupção Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Pessoas participam da manifestação "SOS STF - pelo julgamento do Mensalão antes da prescrição das penas", em Ipanema, no Rio de Janeiro. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Guillermo Giansanti/UOL Mais
Manifestantes protestam em Ribeirão Preto (SP) no "Dia do Basta", parte da Marcha Nacional de Combate à Corrupção programada para este sábado (21) em mais de 40 cidades do país Alfredo Risk/Futura Press Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
O Movimento Brasil Contra a Corrupção, grupo apartidário, realiza Marcha Contra a Corrupção na Esplanada dos Ministerios, em Brasília. A Marcha Nacional Contra a Corrupção volta às ruas neste sábado (21) para mais um dia de protestos contra a corrupção em mais de 40 cidades brasileiras Antonio Cruz/Agência Brasil Mais
Centenas de pessoas participaram da Marcha contra a Corrupção na Praça da República, em Belém (PA), na manhã deste sábado (21). A caminhada seguiu até a frente da Assembleia Legislativa. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Tarso Sarraf/Agência Estado Mais
Manifestantes participaram da Marcha Nacional de Combate à Corrupção no centro de Curitiba (PR), na manhã deste sábado (21). O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Franklin de Freitas/Agências Estado Mais
Centenas protestaram em Campo Grande, durante jornada nacional de mobilização da Marcha contra a Corrupção. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Moisés Palácios/Futura Press Mais
Manifestantes se concentram no vão do Masp antes da Marcha Contra a Corrupção, realizada na tarde deste sábado (21), na região da avenida Paulista, no centro de São Paulo. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Anderson Barbosa/Agência Estado Mais
Na Praça da Liberdade, em Belo Horizonte, mineiros protestaram contra a corrupção durante jornada nacional de mobilização. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Paulo Fonseca/Futura Press Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Cariocas participaram da Marcha contra a Corrupção, no Rio de Janeiro, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Guillermo Giansanti/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Paulistanos participaram da Marcha contra a Corrupção, em São Paulo, neste sábado. O evento aconteceu simultaneamente em 40 cidades brasileiras. Entre as principais reivindicações do movimento estão o julgamento imediato do caso Mensalão, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Keren Chernizon/UOL Mais
Policiais militares em confronto com manifestantes durante a Marcha Contra a Corrupção, neste sábado (21), na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. O evento, realizado simultaneamente em cerca de quarenta cidades brasileiras, teve como reivindicações o julgamento imediato do caso Mensalão, suposto esquema de corrupção descoberto em 2005, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Adriano Lima/Brazil Photo Press/AE Mais
Policiais militares em confronto com manifestantes durante a Marcha Contra a Corrupção, neste sábado (21), na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. O evento, realizado simultaneamente em cerca de quarenta cidades brasileiras, teve como reivindicações o julgamento imediato do caso Mensalão, suposto esquema de corrupção descoberto em 2005, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Adriano Lima/Brazil Photo Press/AE Mais
Policiais militares montam barreira para impedir a continuação da Marcha Contra a Corrupção, neste sábado (21), na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. O evento, realizado simultaneamente em cerca de quarenta cidades brasileiras, teve como reivindicações o julgamento imediato do caso Mensalão, suposto esquema de corrupção descoberto em 2005, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Adriano Lima/Brazil Photo Press/AE Mais
Manifestante é segurado por policial em confronto com a Polícia Militar durante a Marcha Contra a Corrupção, neste sábado (21), na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. Os policiais impediram o prosseguimento do protesto pela via Cris Faga/AE Mais
Manifestante é detido em confronto com a Polícia Militar durante a Marcha Contra a Corrupção, neste sábado (21), na região da Avenida Paulista, no centro de São Paulo. O evento, realizado simultaneamente em cerca de quarenta cidades brasileiras, teve como reivindicações o julgamento imediato do caso Mensalão, suposto esquema de corrupção descoberto em 2005, além do fim do voto secreto no Congresso e o enquadramento da corrupção como crime hediondo Nelson Antoine/AE Mais

Brasileiros fazem Marcha contra a Corrupção

Últimos álbuns de Notícias



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos