Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2017/01/11/ong-faz-calendario-trans-para-expor-falta-de-vagas-e-preconceito-no-mercado-de-trabalho.htm
  • totalImagens: 8
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20170111050000
    • SP [5110]; São Paulo [5106];
    • Notícias [35976]; LGBTTT [76465]; Homofobia [45034]; Preconceito [29474];
Fotos

Montagem com os rostos dos participantes do projeto K-Lendárias, que tem o objetivo de chamar a atenção para as dificuldades que a população trans enfrenta ao tentar uma vaga no mercado formal de trabalho. Um calendário composto por fotos de 12 personagens (travestis, mulheres trans e homens trans) mostra qual é o sonho profissional de cada uma dessas pessoas. A associação Cais (Centro de Apoio e Inclusão Social de Travestis e Transexuais), em São Paulo, é a organizadora da campanha. As fotos e um documentário com depoimentos dos participantes serão apresentados em janeiro de 2017, assim como os calendários, que serão entregues a empresas e potenciais geradores de emprego Divulgação/Cais Mais

Gil Santos, 43, aparece na campanha no mês de maio como um assistente social, a profissão que gostaria de exercer, mas não consegue. Sem emprego formal, ele se vira com bicos que aparecem para se sustentar. "Infelizmente, as pessoas trans ainda não têm o que comemorar. Queremos acesso ao mercado de trabalho para travestis, mulheres transexuais e homens trans", ele diz Divulgação/Cais Mais

Maura Ferreira, 52, é atriz e aparece no mês de setembro pedindo "independência às pessoas trans do Brasil". Para ela, o preconceito e o desconhecimento sobre o que é ser transgênero impedem que pessoas talentosas tenham uma ocupação formal porque são vistas como "diferentes". "A gente não pode virar o rosto para ninguém", a atriz defende Divulgação/Cais Mais

Trabalhar como um tatuador é um sonho profissional que também está no projeto K-Lendárias. O lema da campanha é "Sou Trans e Quero Dignidade e Respeito", frase que aparece em algumas imagens. A Cais (Centro de Apoio e Inclusão Social de Travestis e Transexuais), associação organizadora da campanha, divulgou sugestões de como o calendário poderia ser impresso e utilizado Divulgação/Cais Mais

Imagem divulgada pela Cais (Centro de Apoio e Inclusão Social de Travestis e Transexuais) como sugestão para o mês de janeiro no calendário trans. O projeto K-Lendárias quer provocar uma discussão sobre a falta de emprego formal para a população transexual e transgênero. As fotos dos 12 participantes e um documentário com seus depoimentos serão lançados em janeiro de 2017 Divulgação/Cais Mais

Ao centro, Renata Peron, mulher trans e presidente da ONG Cais (Centro de Apoio e Inclusão Social de Travestis e Transexuais), organizadora do projeto K-Lendárias. "As pessoas trans são segregadas ao extremo, porque são negligenciadas pelos pais, pelo Estado, pela religião. São raríssimas exceções as que estudam, as que batalham, muitas não aguentam porque é muito difícil", ela diz sobre as oportunidades de qualificação profissional e de trabalho Divulgação/Cais Mais

Gil Santos, 43, mostra a carteira de trabalho, que não recebe um registro de emprego formal desde 2005. "Já passei por várias situações de a pessoa falar 'volta depois, depois a gente liga', mas nunca entrar em contato. Por eu ser trans, não pela qualificação", ele diz sobre as tentativas de ser empregado. "Eu sou contra cotas, mas, se a gente não tem outra saída, acho que a gente pode começar daí. Pelo menos enquanto a sociedade não aceitar a gente como a gente é" Gabriela Fujita/UOL Mais

Para a atriz Maura Ferreira, a sociedade tem se mostrado um pouco mais aberta aos trans, embora ela acredite que isso ocorra mais por educação do que por respeito verdadeiro. "Por preconceito, a sociedade acaba jogando no lixo grandes oportunidades que essas pessoas poderiam ter" Gabriela Fujita/UOL Mais

ONG faz calendário trans para expor falta de vagas e preconceito no mercado de trabalho

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos