Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://noticias.uol.com.br/album/2017/12/21/moradores-de-quilombo-relatam-ameacas-e-lutam-por-terras-no-maranhao.htm
  • totalImagens: 13
  • fotoInicial: 11
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20171221120000
    • Notícias [35976];
Fotos

Maria José Pinto de Souza vive na comunidade do Quilombo Nazaré, na baixada ocidental maranhense Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Membros da comunidade quilombola de Nazaré, em Serrano do Maranhão, pescam no rio das Almas para ter seu sustento Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Embora mantenha um modo de vida tradicional, muita coisa mudou no quilombo Nazaré, comunidade que conseguiu se livrar do sistema do foro Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

A quilombola Joana Batista Santos ao lado dos netos em Serrano do Maranhão Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

A professora Leidiane Santos Reges, de 30 anos, dá aulas e oficinas de cantos tradicionais quilombolas em Nazaré, em Serrano do Maranhão Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Refletir sobre a importância da cultura e da espiritualidade de seus ancestrais é o ponto de partida para a valorização da identidade quilombola na escola Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

A valorização da cultura de seus ancestrais é conectada ao modo de vida tradicional nas atividades da escola Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

No início e no fim das aulas, as professoras costumam pedir a proteção de santos, orixás, caboclos e encantados. Não há conflito de religiões no quilombo Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

A implantação do ensino fundamental completo evitou a migração para a cidade ou municípios vizinhos. Em 2000 havia 14 alunos no Quilombo Nazaré, agora são 45 Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Rapaz da comunidade quilombola que trabalha com areia observa confusão e ameaças a moradores locais Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

O líder quilombola, Gil, com a filha Mayla. Apesar do sucesso da escola, as novas gerações enfrentam as ameaças do trabalho infantil e análogo ao de escravo Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Os búfalos costumam ficar soltos e passar boa parte do dia, e muitas vezes da noite, dentro do rio. As fezes e a urina dos animais contaminam a água e os peixes Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Líderes quilombolas acusam areeiros de escravizar as crianças do quilombo. Meninos faltam à escola para trabalhar enchendo caminhões de areia Fernando Martinho/Repórter Brasil Mais

Moradores de quilombo relatam ameaças e lutam por terras no Maranhão

Últimos álbuns de Notícias

UOL Cursos Online

Todos os cursos