Topo

CarnaUOL

Anderson Baltar


Brasília será o enredo da Vila Isabel para o Carnaval 2020

Martinho da Vila vai assinar samba-enredo da Vila Isabel sobre Brasília - Jorge Hely /Brazil Photo Press/Folhapress
Martinho da Vila vai assinar samba-enredo da Vila Isabel sobre Brasília Imagem: Jorge Hely /Brazil Photo Press/Folhapress
Anderson Baltar

Anderson Baltar é jornalista, formado pela UFRJ e tem 42 anos. Com mais de 15 anos de experiência na mídia carnavalesca, foi assessor de imprensa da União da Ilha e Império Serrano, produtor de Carnaval da TV Globo e trabalhou em coberturas de desfiles nas rádios Manchete e Tupi. Desde 2011, é âncora e coordenador da Rádio Arquibancada, web rádio com programação inteiramente voltada para o Carnaval. Em 2015, lançou o livro "As Primas Sapecas do Samba", ao lado dos também jornalistas Eugênio Leal e Vicente Dattoli.

21/05/2019 18h14

Terceira colocada no último Carnaval, a Unidos de Vila Isabel, divulgou hoje o seu enredo para 2020. A azul e branca fará uma homenagem à cidade de Brasília. A diretoria da escola finalizou as tratativas com o governo do Distrito Federal e assinou um termo de cooperação com o governador Ibaneis Rocha.

De acordo com o documento, a contrapartida que a escola dará ao patrocínio do governo brasiliense será a promoção de ações para o desenvolvimento do Carnaval da capital do país. Praça que conta com desfiles de escolas de samba desde 1962, Brasília não tem apoio oficial para o evento desde 2014, quando o realizou pela última vez.

Segundo informações divulgadas pelo Governo do Distrito Federal, o enredo e o samba-enredo terão a assinatura de Martinho da Vila. Desta forma, não haveria a tradicional disputa de sambas na quadra da agremiação.

A escola ainda não divulgou muitos detalhes sobre qual será o foco da narrativa, mas já marcou a data do lançamento do enredo, que mais uma vez será desenvolvido pelo carnavalesco Edson Pereira: 13 de julho. Segundo o artista, "vamos falar de um menino chamado Brasil que cresce e se transforma, com todos os brasileiros, na capital da esperança. Será algo bem lúdico", afirma.

Esta será a segunda vez que a capital federal será homenageada na Sapucaí - em 2010, foi enredo da Beija-Flor de Nilópolis, que terminou aquele Carnaval na terceira colocação.