Cientistas 'nerds' dão nomes de Star Wars a animais descobertos

Do UOL, em São Paulo

Cavaleiros Jedis, Chewbacca e a princesa Amidala existem no mundo real. Não com os mesmos poderes, simpatia e majestade dos congêneres dos filmes da série Star Wars. O fato é que cientistas "nerds", fãs da saga criada pelo diretor George Lucas, batizaram com os nomes dos famosos personagens algumas espécies de animais que descobriram na natureza.

Para se tornarem representantes do mundo intergaláctico, esses animais possuíam alguma característica que, para os pesquisadores, era semelhante a dos personagens. Exemplos de esquisitices, como ocorre no filme, não faltam no meio ambiente. Uma mosca com cerdas pontudas como a de um capacete futurista, uma mariposa peluda, ou uma girafa com orelhas quadradas que lembram a túnica da princesa Amidala.

Os nomes científicos dos animais, tradicionalmente grafados em latim, possuem duas partes. A primeira, sempre escrita com inicial maiúscula, indica o gênero. A segunda, com inicial minúscula, é a da espécie. É no segundo nome que entra o diferencial.  E o cientista que descobriu a nova espécie ganha toda a liberdade para batizar a espécie conforme achar mais conveniente.

Veja abaixo a lista de animais reais com nomes de uma das mais adoradas séries de ficção. 

Divulgação
Divulgação

Membros peludos do Chewbacca

Chewbacca possui um novo xará. Ele não é um wookiee, raça ficcional do universo de Star Wars, que habita o planeta Kashyyyk. Foi, na realidade, descoberto na Nova Guiné e descrito pela primeira vez em abril de 2016 na revista ZooKeys. Também não possui o mesmo tamanho e a simpatia do copiloto de Han Solo. Mas é peludo, e isso bastou para o cientista que o batizou. Trata-se de "Trigonopterus chewbacca", um besouro.
Israel M. Sánchez
Israel M. Sánchez

Chapéu quadrado de Padmé Amidala

A princesa Amidala foi homenageada ao nomear um habitante da Terra que viveu há milhares de anos e já está extinto. Um parente antigo da girafa possuía um crânio bem esquisito, que para paleontólogos lembrava algum ornamento da chapelaria excêntrica de Padmé Amidala. A espécie foi nomeada como "Xenokeryx amidalae". Descrito em 2015 na revista PLoS ONE, o crânio do animal possui chifres curtos como os de uma girafa e uma sobrancelha inclinada que sobe abruptamente em direção à parte de trás da cabeça. A inclinação ganha um formato de T, que ficaria bem elegante se envolta em uma peruca como a da rainha de Naboo e senadora do Senado Galáctico.
Departamento de Agricultura dos EUA
Departamento de Agricultura dos EUA

Mariposa marrom lembra o Chewbacca

Chewbacca possui muitos parentes em seu planeta natal, Kashyyyk. São os wookiees. Mas isso na fantasia de Star Wars. No mundo real, são os insetos que levam seu nome. Uma nova espécie de mariposa, descrita em 2009 na revista da Sociedade Entomológica do Washington, foi batizada de "Wockia chewbacca". É encontrada, claro, na Terra. Mais precisamente em florestas secas do oeste do México.
Shannon Hartman
Shannon Hartman

A formiga Jedi

A força está com a "Tetramorium jedi", uma formiga que habita as terras baixas das florestas de Madagascar. Sabemos que toda formiga é bem forte, podendo carregar até cem vezes o seu peso. Mas ainda não foi encontrado na Terra um ser com a "Força" de um cavaleiro Jedi - aquele poder misterioso que faz com que eles controlem coisas do mundo físico com o poder da mente. Essa mosca Jedi foi descrita em 2012 na revista Zootaxa. "A nova espécie tem o nome dos nobres e sábios guardiões da paz de Star Wars", dizem os pesquisadores no estudo.
Jason Bond
Jason Bond

Aranha sarlacc

Com o nome igual a da temível planta-criatura habitante do deserto Tatooine, a aranha californiana "Aptostichus sarlacc" foi descrita pela primeira vez na revista ZooKeys em 2012. Era uma das 33 novas espécies do gênero aptostichus, mas a única agraciada com o nome de um personagem galáctico de Star Wars. Para quem não se recorda, a Sarlacc era aquela planta que vivia em um buraco no deserto e que Jabba dizia ser seu animal de estimação.
Glenn Hunt
Glenn Hunt

Não se assuste com Darthvaderum

Em 1996, o Museu Australiano, localizado em Sydney, adicionou um novo gênero a uma família de ácaros encontrados em árvores do leste da Austrália. A aparência assustadora levou ao nome de causar calafrios: "Darthvaderum". Uma imagem feita com microscópio eletrônico da cabeça do ácaro lembrou ao autor do estudo o lorde das trevas. "Quando eu vi a imagem no microscópio, pensei imediatamente em Darth Vader, anti-herói do mal de Star Wars", escreveu Glenn Hunt em seu estudo.
David Shale
David Shale

Um Yoda roxo

Mestre Yoda está entre nós. Tudo bem que ele é bem menor que o baixinho mestre Jedi e tem a cor roxa, em vez do verde. O "Yoda purpurata" foi descrito em 2012 na revista Invertebrate Biology. Trata-se de uma Enteropneusta, uma classe de animais hemicordados. São animais marinhos, que vivem enterrados no lodo ou na areia e que medem cerca de 10 centímetros de comprimento. A espécie possui asas laterais na região da cabeça que lembram as orelhas de Yoda.
Jonathan W. Armbruster
Jonathan W. Armbruster

Feio como Greedo

Ele tem cabeça chata e olhos arregalados. Bem esquisito, não? O peixe-gato "Peckoltia greedoi" foi descrito em estudo publicado em 2015 na revista ZooKeys. E o Greedo de Star Wars é o humanoide caçador de recompensas nascido no planeta Rodia, morto por Han Solo no "Episódio 4 - Uma Nova Esperança". Para o autor do estudo, o pesquisador Jonathan Armbruster, Greedo e o peixe-gato possuem uma "semelhança notável".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos