As novidades que fazem a nova moeda de 1 libra ser considerada a mais segura do mundo

A partir desta semana, começa a ficar um pouco mais difícil falsificar a moeda de 1 libra, com a entrada em circulação de uma nova versão elaborada para ser a "mais segura do mundo", segundo a Royal Mint, a Casa da Moeda britânica.

A circunferência da moeda deixa de ser circular e passa a ter 12 arestas. Entra as medidas de segurança está uma imagem com características de um holograma e um texto escrito em letras microscópicas nas quinas de suas bordas.

Também foi anunciado que ela terá um dispositivo secreto - tudo para dificultar que seja reproduzida ilegalmente.

Estima-se que uma a cada 40 moedas de 1 libra seja falsa na versão atual, que continuará a valer até 15 de outubro. Após esta data, comerciantes não serão mais obrigados a aceitá-la, e os consumidores deverão trocá-la nos bancos.

"A nova versão foi elaborada com o futuro em mente, para que suas medidas de segurança protejam a libra - e outras moedas - por muitos anos", disse Adam Lawrence, presidente da Royal Mint.

Por ter o formato dodecagonal, ela é mais difícil de ser forjada, além de ser mais facilmente reconhecida visualmente e com o tato. A técnica já é aplicada às moedas de 50 e 20 centavos. Também há bordas serradas em faces alternadas para tornar mais complexa sua cópia.

Uma imagem em um dos seus lados funciona como um holograma e alterna entre o símbolo da libra (?£) e o número 1 quando vista a partir de ângulos diferentes.

Assim como a moeda de duas libras, é feita de ligas de níquel de cores diferentes (dourada no raio externo e prateada no círculo interno) para dificultar a vida dos falsificadores.

A microgravação nas bordas indica, de um lado, seu valor e, do outro, o ano em que a moeda foi produzida - algo que também não será facilmente reproduzido, diz a Royal Mint.

Por fim, a Casa da Moeda britânica incluiu uma medida de segurança secreta em seu interior para protegê-la de falsificações no futuro.

Acredita-se que essa medida envolva um material interno que permite que a moeda seja detectada por máquinas de contagem de moedas ou de pagamento.

Com 2,8 milímetros de espessura e 23,43 milímetros de diâmetro, a nova moeda de libra é mais fina e maior do que a atual. Também é mais leve - pesa 8,75 gramas.

Serão colocadas em circulação 1,5 bilhão de unidades - cerca de 23 por habitante. A princípio, serão distribuídas por 33 bancos e agências de correio do Reino Unido.

Dono da maior rede bancária do país, o Lloyds diz que as novas moedas devem começar a ser distribuídas já na quarta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos