Giro UOL traz os destaques da manhã desta quarta, 29/03, para você; ouça

Thomaz Molina

Do UOL, em São Paulo

Eduardo Anizelli - 1º.jan.2015/Folhapress
Eduardo Anizelli - 1º.jan.2015/Folhapress

MPE pede cassação de Temer

O Ministério Público Eleitoral pediu ao TSE a cassação do presidente Michel Temer (PMDB) e a inelegibilidade da presidente cassada Dilma Rousseff (PT). O julgamento da ação que apura se a chapa Dilma-Temer cometeu abuso de poder político e econômico para se reeleger em 2014 foi marcado para começar na manhã da próxima terça-feira (4). O TSE vai analisar o caso, que pode levar à cassação de Temer e à convocação de eleições indiretas.
Compartilhe
Getty Images/iStockphoto
Getty Images/iStockphoto

Teto da aposentadoria

Apenas a União e sete Estados têm planos de previdência complementar autorizados. Essa é a condição necessária para a vigência do teto do INSS, hoje em R$ 5.531, como o máximo pago de aposentadoria aos servidores. A possibilidade de adoção do limite foi aberta pela reforma previdenciária de 1998. Mais de dez anos se passaram, porém, antes que os Estados começassem a sancionar leis com esse objetivo. Hoje, o teto vale para servidores do Espírito Santo, de Minas Gerais, do Rio de Janeiro, de São Paulo e de Santa Catarina que ingressaram na carreira quando já havia planos de previdência complementar em vigor. Bahia e Rio Grande do Sul já implementaram o limite e têm autorização para oferecer planos, mas eles ainda não estão em vigor.
Compartilhe
Pedro França/Agência Senado
Pedro França/Agência Senado

Votação da recuperação fiscal

O projeto que prevê socorro aos Estados em crise, com a criação do regime de recuperação fiscal, deve ser votado na Câmara hoje. A informação foi dada pelo relator do projeto, o deputado Pedro Paulo (PMDB-RJ). Pela proposta do governo federal, os Estados em calamidade financeira vão ter o pagamento da dívida com a União suspenso por três anos e, em troca, vão tomar uma série de medidas para ajustar as contas nesse período. O Rio de Janeiro deve ser o primeiro Estado a entrar no programa.
Compartilhe
Marcelo Camargo/Agência Brasil
Marcelo Camargo/Agência Brasil

Não à privatização

Gilberto Kassab, ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, disse ontem que todo esforço deve ser feito para evitar que os Correios sejam privatizados. Mesmo assim, Kassab ponderou que essa opção não pode ser descartada. O ministro disse que o governo não tem recursos para injetar nos Correios e que mais cortes devem ser feitos para evitar a privatização. A estatal teve prejuízo de cerca de R$ 2 bilhões no ano passado.
Compartilhe
Kirsty Wigglesworth/AP
Kirsty Wigglesworth/AP

O começo da separação

Theresa May, primeira-ministra britânica, assinou a carta que dá início à saída do Reino Unido da União Europeia. Agora, as 27 nações restantes da UE precisam aprovar a estratégia de negociação, o que pode acontecer em dois meses. O bloco quer que o acordo esteja pronto em outubro de 2018 para que os lados tenham tempo de ratificar a negociação. O prazo para a conclusão é de dois anos contados a partir da ativação do artigo 50 do Tratado de Lisboa, que teve início ontem.
Compartilhe
Marcello Zambrana / AGIF
Marcello Zambrana / AGIF

Definições no Paulista

Hoje é dia de definição no Campeonato Paulista. A última rodada da primeira fase do torneio vai ter todos os jogos disputados às 21h45. O Corinthians, já classificado em primeiro no grupo A, enfrenta o Linense. O São Paulo pega o São Bernardo fora de casa, enquanto o Palmeiras visita a Ponte Preta. Já o Santos enfrenta o Grêmio Novorizontino. Você acompanha todos esses jogos ao vivo pelo aplicativo Placar UOL ou pelo site uol.com.br.
Compartilhe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos