Giro UOL traz os destaques da noite desta quinta, 06/04, para você; ouça

Vinícius Garcia

Do UOL, em São Paulo

Getty Images/iStockphoto
Getty Images/iStockphoto

Mudanças na Previdência

O presidente Michel Temer (PMDB) autorizou o relator da reforma da Previdência na Câmara, deputado Arthur Maia (PSB-BA), a fazer mudanças na proposta do governo. Temer pede só para que a idade mínima de 65 anos para se aposentar não seja alterada. Maia explicou que cinco pontos vão ser modificados, como na regra de transição, a aposentadoria para professores e policiais e de pensão por morte, por exemplo. O relator disse que a PEC vai manter o equilíbrio das contas do país.
Compartilhe
Ueslei Marcelino/Reuters
Ueslei Marcelino/Reuters

Temer rebate Renan

Michel Temer rebateu hoje as críticas que vem sofrendo do senador Renan Calheiros (PMDB-AL). Para o presidente, Renan sempre "vai e volta" nas opiniões sobre o governo. Em uma declaração mais forte, Temer disse que "não pode ficar brigando com quem não é presidente". De acordo com informações da Folha de S.Paulo, Temer rompeu com Renan. Nesta semana, o senador disse que o presidente passa a impressão de que não tem para onde ir. Renan afirmou ainda que se continuar como está, "o governo vai cair para um lado e o PMDB, para o outro".
Compartilhe
Divulgação/Polícia Federal
Divulgação/Polícia Federal

Nova delação contra Cabral

A H.Stern fechou hoje um acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal. A joalheria é citada em uma investigação sobre o esquema de corrupção que seria liderado pelo ex-governador do Rio Sérgio Cabral. As conclusões desse acordo podem servir de base para uma nova denúncia contra Cabral e a mulher dele, Adriana Ancelmo, envolvendo lavagem de dinheiro com a compra de joias. Os dois teriam comprado cerca de 40 peças da H.Stern, que juntas valem R$ 6,3 milhões.
Compartilhe
Foto: Francisco Galvão/ Divulgação/ EC Vitória
Foto: Francisco Galvão/ Divulgação/ EC Vitória

Fim do caso Victor Ramos

O Internacional desistiu de seguir com o caso Victor Ramos para tentar reverter o rebaixamento no Campeonato Brasileiro em 2016. O clube não vai levar a demanda à corte da Suíça ou à Justiça comum. A diretoria do Inter entrou com ação no STJD no ano passado alegando que Victor Ramos, do Vitória, foi inscrito irregularmente. Se a reclamação fosse aceita, o time baiano perderia pontos no Brasileirão e seria rebaixado no lugar do Internacional.
Compartilhe
William Volcov/Brazil Photo Press/Folhapress
William Volcov/Brazil Photo Press/Folhapress

Virada Cultural 2017

A Virada Cultural deste ano em São Paulo vai ter shows no autódromo de Interlagos, na zona sul, no sambódromo do Anhembi, na zona norte, e no Parque do Carmo, na zona leste. O evento está marcado para os dias 20 e 21 de maio, mas a Prefeitura ainda não anunciou as atrações. A Secretaria Municipal de Cultura conta com ao menos mais três semanas de discussões para fechar a estrutura da festa. Em dezembro do ano passado, o prefeito João Doria (PSDB) disse que o evento seria todo transferido para o Autódromo de Interlagos.
Compartilhe

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos