PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Entenda o "fog carioca" que fechou o Santos Dumont e deu ares londrinos ao Rio

Vista do Mirante Dona Marta, na zona sul do Rio de Janeiro, na manhã desta terça  - Márcia Foletto/Agência O Globo
Vista do Mirante Dona Marta, na zona sul do Rio de Janeiro, na manhã desta terça Imagem: Márcia Foletto/Agência O Globo

Do UOL, no Rio

30/05/2017 14h26

Pelo terceiro dia consecutivo, a cidade do Rio de Janeiro amanheceu envolta em neblina dando ares londrinos à capital fluminense. O “fog carioca” afetou o funcionamento dos aeroportos Santos Dumont, que ficou duas horas fechado nesta terça-feira (30), e do Galeão e diminuiu a velocidade das barcas e catamarãs que circulam na Baía de Guanabara devido à pouca visibilidade.

Às 14h, 18 voos estavam atrasados e outros 35 haviam sido cancelados no Santos Dumont; o aeroporto internacional do Galeão foi obrigado a operar por instrumentos para pousos e decolagens.

Londres Fog - Metropolitan Police/REUTERS - Metropolitan Police/REUTERS
Imagem da cidade de Londres encoberta pela neblina
Imagem: Metropolitan Police/REUTERS
De acordo com o meteorologista Olívio Bahia, do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), o tempo com céu aberto ou com poucas nuvens, ventos calmos, temperaturas mais baixas no período da madrugada, além da umidade relativa do ar alta, estão entre as características que contribuem para a formação do nevoeiro.

Segundo Bahia, o fenômeno é o mesmo que costuma ocorrer na capital inglesa, ainda que por motivos climáticos diferentes. “Temos uma diferença de temperatura e condições climáticas no geral, é preciso pesquisar mais para identificar se as causas são as mesmas e é bem mais recorrente", diz. "Lá chega a ser cartão postal."

A tendência, diz Bahia, é que o nevoeiro diminua até a sexta-feira (26), com a chegada de chuvas à cidade e o aumento dos ventos. Segundo ele, a neblina é uma condição típica desta época do ano.

30.mai.2017 - Cariocas fazem exercícios debaixo da neblina no Aterro do Flamengo na manhã desta terça-feira - Márcia Foletto/Agência O Globo - Márcia Foletto/Agência O Globo
Cariocas fazem exercícios no Aterro do Flamengo na manhã desta terça-feira (30)
Imagem: Márcia Foletto/Agência O Globo

Cotidiano