PUBLICIDADE
Topo

Cachorro atropelado fica preso em carro por quase 3 km e é resgatado ileso

Cachorro foi retirado ileso de para-choque após ser atropelado - Arquivo Pessoal
Cachorro foi retirado ileso de para-choque após ser atropelado Imagem: Arquivo Pessoal

Simone Machado

Colaboração para o UOL, em São José do Rio Preto (SP)

17/02/2020 14h55

Um cachorro foi atropelado, ficou preso no para-choque de um veículo que percorreu quase três quilômetros carregando o animal e saiu ileso do acidente. O caso aconteceu na tarde de ontem, na rodovia Washington Luís, em São Carlos (SP).

De acordo com o engenheiro Josevaldo da Silva Santana, o animal estava acompanhado pelo dono às margens da rodovia, próximo a um posto de combustíveis. Em determinado momento, o cachorro atravessou a pista e foi atingido pelo carro do engenheiro, um Jetta. Após o acidente, o motorista chegou a olhar se havia atingido o animal, mas não viu nada na pista, o que causou estranheza.

Após cerca de três quilômetros, passageiros de um outro veículo, que presenciou o atropelamento, começaram a ouvir latido e choro de um cachorro. Ao olharem para o carro que tinha se envolvido no atropelamento, a surpresa: o cachorro estava preso no para-choque.

Com o impacto, o cachorro ficou preso dentro do para-choque - Arquivo Pessoal
Com o impacto, o cachorro ficou preso dentro do para-choque
Imagem: Arquivo Pessoal

"Um motorista passou pelo nosso carro e começou a dar sinal para estacionarmos no acostamento. Quando paramos, achei que o animal estaria enroscado no carro, mas para a surpresa de todos ele estava bem. Com a batida, a grade do para-choque quebrou e ele ficou encaixado certinho. Por isso, não se machucou", explica o engenheiro.

Ainda segundo Josevaldo o animal estava bastante assustado. A concessionária que administra a rodovia foi chamada para retirar o cachorro de dentro do para-choque, porém não foi preciso a ajuda dos funcionários.

"Enquanto estávamos aguardando os funcionários da concessionária, o dono do animal chegou. Como o cachorro correu dele, o homem veio caminhando pelo acostamento da rodovia na tentativa de encontrá-lo. Ele mesmo conseguiu abrir o para-choque e fazer o resgate", diz.

A reportagem do UOL tentou contato com o dono do animal, porém ele não atendeu às ligações.

Cotidiano