PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
10 meses

Jovem que fazia slackline cai de altura de 50 m e morre, em Sobradinho (DF)

28 bombeiros participaram do resgate do corpo do jovem - Divulgação/Corpo de Bombeiros do Distrito Federal
28 bombeiros participaram do resgate do corpo do jovem Imagem: Divulgação/Corpo de Bombeiros do Distrito Federal

Nathalia Zôrzo

Colaboração para o UOL, em Brasília

29/11/2020 10h57

Um jovem de 21 anos morreu ao cair de uma altura de aproximadamente 50 metros quando praticava slackline, em um vale perto de Sobradinho, a 30 quilômetros de Brasília.

Jonas Pereira da Silva estava treinando com três amigos ontem, por volta das 14h30, quando se desequilibrou e caiu. Ele sofreu traumatismo craniano, múltiplas fraturas e morreu no local. Segundo o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, Jonas não estava usando equipamento de segurança.

Os bombeiros acionaram o helicóptero da corporação e um drone para ajudar na localização do corpo e resgate. Os militares informaram que o local do acidente é um vale com uma depressão profunda e foi necessário usar técnicas de rapel para acessar o lugar onde o jovem havia caído.

Ao todo, 28 bombeiros participaram do resgate, mas quando conseguiram chegar a Jonas, ele já estava sem vida.

O corpo de Jonas Pereira foi içado, e a Polícia Civil do Distrito Federal foi acionada para investigar as causas do acidente. Os amigos que estavam no local serão ouvidos como testemunhas.

O slackline é um esporte no qual o praticante tem que andar se equilibrando em uma fita de nylon amarrada de um ponto a outro a alturas variáveis do chão. Jonas postava diversos vídeos e fotos da prática nas redes sociais.

Cotidiano