PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Lancha pega fogo nas proximidades do Iate Clube do ES, em Vitória

Lancha estava próxima de outras embarcações do Iate Clube do Espírito Santo - Reprodução/ Twitter @serviobasto
Lancha estava próxima de outras embarcações do Iate Clube do Espírito Santo Imagem: Reprodução/ Twitter @serviobasto

Do UOL, em São Paulo

29/11/2021 15h21Atualizada em 29/11/2021 18h04

Uma lancha pegou fogo em uma área próxima à marina do Iate Clube do Espírito Santo, na Praia do Canto, em Vitória, na tarde de hoje. O Corpo de Bombeiros foi acionado e já controlou as chamas, informando que ninguém ficou ferido.

Em vídeos compartilhados nas redes sociais é possível ver que a embarcação estava relativamente afastada das outras ancoradas na marina. Contudo, de acordo com a corporação, a lancha de 45 pés estava em chamas e "com risco iminente a outro barco". A embarcação foi levada para a areia para evitar naufrágio e derramamento de óleo no mar.

Ao UOL, a secretaria do Iate Clube disse, por telefone, que a embarcação chegou há pouco tempo no clube, mas não soube identificar a quem ela pertence.

Em nota encaminhada ao UOL pela assessoria, Fabiano Pereira, vice-comodoro do Iate Clube, afirmou que o local "possui um rigoroso protocolo de segurança, com equipes capacitadas (brigada de incêndio) e periodicamente treinadas pelo Corpo de Bombeiros para lidar em casos dessa natureza".

O comunicado complementa ainda que a equipe agiu com rapidez e acionou tanto o Corpo de Bombeiros quanto a Capitania dos Portos, evitando que o incêndio se propagasse e que houvesse feridos.

"As chamas foram extintas e, com a possibilidade de naufrágio da embarcação atingida, o que geraria risco de derrame de óleo no mar e obstrução da saída das outras embarcações do Iate Clube, a lancha foi afastada para perto da areia", informou a assessoria do Corpo de Bombeiros.

O trabalho foi encerrado por volta das 17 horas e uma equipe da Perícia de Incêndio vai investigar a causa do fogo.

Nos vídeos que circulam nas redes sociais, é possível ver muita fumaça e as chamas descontroladas consumindo a lancha.

Há relatos de que a fumaça e fuligem atingiram imóveis localizados a cerca de 1 km do incêndio.

Cotidiano