PUBLICIDADE
Topo

2º avião da Southwest Airlines em um mês faz pouso de emergência por dano em janela

Twitter @ewolbrom
Imagem: Twitter @ewolbrom

Do UOL, em São Paulo

02/05/2018 13h26Atualizada em 02/05/2018 16h20

Um avião da Southwest Airlines precisou fazer um pouso de emergência na cidade de Cleveland nesta quarta-feira (02) depois de uma das janelas da aeronave ter sido danificada. Nenhum passageiro foi ferido, segundo a agência de aviação dos Estados Unidos, que está investigando o incidente.

O pouso de emergência ocorre duas semanas depois de um outro avião da mesma companhia aérea pousar na Filadélfia, quando uma explosão no motor arrancou uma das janelas do avião. Uma mulher morreu e sete passageiros ficaram com ferimentos leves.

O voo 957 fazia o trajeto entre as cidades de Chicago e Nova Jersey. "O voo aterrissou sem incidentes em Cleveland. A aeronave foi retirada de serviço e os funcionários em solo em Cleveland estão trabalhando para acomodar os 76 passageiros em uma nova aeronave", disse a empresa em comunicado.

Segundo a empresa, a aeronave "manteve a pressurização". Ela será submetida a "uma revisão de manutenção de uma das diversas camadas das janelas".

Em 17 de abril, estilhaços da explosão de um motor de outro Boeing 737-700 da Southwest, que fazia o trajeto Nova York-Dallas, quebraram uma janela da aeronave, sugando parcialmente uma passageira de 43 anos de idade, que morreu pouco depois. A comandante Tammien Jo Shults conseguiu aterrizar o avião, o que lhe rendeu elogios do presidente americano, Donald Trump - ele afirmou nesta terça-feira na Casa Branca que ela fez um "trabalho incrível".

A Administração Federal da Aviação ordenou a inspeção de emergência dos motores de aviões parecidos ao que quebrou no voo da Southwest Airlines.