Topo

Comissários de bordo são presos após tentarem entrar nos EUA com R$ 90 mil

Quatro comissários de bordo da American Airlines foram presos  - Reprodução/CNN
Quatro comissários de bordo da American Airlines foram presos Imagem: Reprodução/CNN

Do UOL, em São Paulo

23/10/2019 19h34

Quatro comissários de bordo da American Airlines foram presos no Aeroporto Internacional de Miami, nos Estados Unidos, ao tentarem entrar no país com mais de 22 mil dólares (cerca de R$ 90 mil).

De acordo com a polícia, eles ainda responderão por lavagem de dinheiro. Os comissários de bordo passavam por uma verificação alfandegária de rotina na última segunda-feira quando foram presos.

Um dos detidos foi Carlos Alberto Munoz-Moyano, que chegou aos EUA em um voo do Chile. Ele afirmou a um agente da Alfândega que estava com apenas 100 dólares (cerca de R$ 400). Porém, pouco depois mudou sua versão e disse que carregava 9 mil dólares (cerca de R$ 36 mil).

O agente alertou seus companheiros, que encontraram outras comissárias de bordo com grande quantidade de dinheiro. Nenhuma delas tinha licença para transportar o dinheiro.

Miaria Delpilar Roman-Strick foi detida com 7,3 mil dólares (cerca de R$ 29,4 mil), e Maria Isabel Wilson-Ossandon estava com 6,3 mil dólares (cerca de R$ 25,4 mil). A polícia não afirmou se a quarta comissária de bordo, Maria Beatriz Pasten-Cuzmar, tinha algum dinheiro com ela.

Internacional