PUBLICIDADE
Topo

"É uma morte lenta": Iêmen vive a pior crise humanitária do mundo

Um campo para pessoas descoladas no Khamer, Iêmen - Tyler Hicks/The New York Times
Um campo para pessoas descoladas no Khamer, Iêmen Imagem: Tyler Hicks/The New York Times
Exclusivo para assinantes UOL

Shuaib Almosawa, Ben Hubbard e Troy Griggs

Em Sanaa (Iêmen)

25/08/2017 00h03

Após 2 anos e meio de guerra, pouco está funcionando no Iêmen.

Repetidos bombardeios inutilizaram pontes, hospitais e fábricas. Muitos médicos e funcionários públicos não recebem salár...